Presidente da República condecora primeiro embaixador bissau-guineense residente com Medalha de Primeira Classe

22 de julho de 2021

A+ A-

Diplomacia economica e flexibilidade na abordagem da comunidade bissau-guineense em Cabo Verde são motivos de regozijo nas relações entre Praia e Bissau. Palavras do Embaixador da Guiné Bissau em Cabo Verde, Mbala Fernandes, condecorado hoje pelo Presidente da República com a Medalha de Primeira Classe, no término da sua missão em Cabo Verde, como primeiro embaixador residente.

Uma condecoração com a Medalha de Primeira Classe que atesta um novo rumo da cooperação entre  Cabo Verde e Guiné Bissau. Com efeito, diplomacia economica e excelentes perspetivas de ligações maritimas entre os dois países para breve são dois marcos do legado do primeiro embaixador guineennse residente em Cabo Verde. Acrescente-se ainda a troca de visita dos dois chefes de estado assinalando um marco histórico e uma nova largada na cooperação entre Praia e Bissau. Esta distinção do diplomata bissau-guineense é a cereja no topo do bolo de uma espécie de segunda lua de mel nas relações Praia-Bissau.

Muitas razões para se acreditar que haverá certamente um antes e um depois nas relações bilaterais entre dois países e povos irmãos que reforçaram os seus laços na luta comum pelas independencias nacionais a que urge dar continuidade. A flexibilidade na abordagem à situação da comunidade bissau-guineense em Cabo Verde é mais um motivo re regozijo do diplomata guineense que cessa funções em Cabo Verde, após uma missao de 3 anos e cinco meses.