Mitu Monteiro "feliz" com repercussão de um documentário em exibição no Brasil

06 de maio de 2021

Mitu Monteiro
A+ A-

Mitu Monteiro diz-se satisfeito com a repercussão que está a ter, no Brasil, um documentário acabado de sair sobre um projecto de levar o kitesurf às ilhas onde a modalidade não é praticada ou é pouco conhecida.

A produção, dirigida por uma realizadora brasileira, foi gravada há cerca de dois anos nas ilhas de Santo Antão, São Vicente, São Nicolau, Boa Vista e também no Sal. Está a ser difundida, agora, no Brasil

O documentário, por episódios, passa no Canal OFF, um dos canais por assinatura da Rede Globo. 

Com as competições paralisadas devido à pandemia, Mitu Monteiro tem estado mais tempo em Cabo Verde. O campeão do mundo de Kitesurf, em 2008, diz estar a aproveitar para repor forças e passar mais tempo com a família.

Na família de Mitu Monteiro já há quem siga seus passos no kitesurf. O filho mais velho, Michael Monteiro, de 9 anos, tem competido em povas italianas. No ano passado, aliás, alcançou o podium de uma competição naquele país. Agora, Mitu está a preparar o filho para novas etapas marcadas para daqui a uns meses. 

Mitu Monteiro, kitesurfista profissional, campeão do mundo em 2008, tem estado mais tempo na ilha do Sal, por causa da pandemia que tem todas as competições paralisadas. Vai aproveitando também para preparar o filho que compete em competições nacionais da Itália. 

Oiça a matéria da RCV com as declaraçoes de Mitu Monteiro:

 



Artigos Relacionados