Na ilha da Boa Vista 3 indivíduos acusados de abuso sexual de menores vão aguardar julgamento em prisão preventiva

04 de maio de 2021

A+ A-

Um dos supostos agressores é um agente da Polícia Nacional no Comando Regional da Boa Vista, cujo processo desencadeou-se em finais do ano passado e envolve uma vítima menor.

O agente é um dos 7 indivíduos que foram detidos na semana passada, fora de flagrante delito. Dois suspeitos da prática de crimes de VBG, e 5 suspeitos da prática de crimes de agressão sexual.

Presentes ao Tribunal da Comarca da ilha, 3 dos 7 indivíduos vão aguardar julgamento em prisão preventiva.

Segundo informações são três processos diferentes, e as vítimas são crianças com idades compreendidas entre 6 a 11 anos de idade. Os casos de abuso sexual terão ocorrido no seio familiar.