MpD apresenta listas para as Legislativas 2021

25 de fevereiro de 2021

Filomena Gonçalves, Secretária-Geral do MpD
A+ A-

 

Cinco mulheres são cabeças-de-lista e elas representam 60% dos integrantes das listas do partido às legislativas em círculos eleitorais como São Nicolau, Brava e África.


Em alguns círculos, a renovação foi total. Os dados foram apresentados na manhã de hoje pela Secretária-Geral do partido.

Um dos critérios que o Movimento para a Democracia teve em conta para constituir as listas de candidatos que irá apresentar às legislativas foi a renovação. Em círculos como a Brava, todos os integrantes são caras novas.

Por isso, ficaram de fora nomes de peso em algumas ilhas. São os casos dos antigos presidentes de câmara da Boa Vista, José Luis Santos e de São Filipe, Jorge Nogueira. A Secretária-Geral do partido, Filomena Delgado, diz, no entanto, que o desempenho nas autárquicas não foi um critério.

Por outro lado, os efeitos da lei da paridade já são percetíveis. No Sal, Boa Vista, Maio, Brava e nas Américas, as mulheres são as primeiras das listas. E a sua presença é expressiva nos demais círculos.

A presença de jovens também é relevante. Em São Nicolau, por exemplo, todos os candidatos têm 40 anos de idade ou menos. E há independentes nas listas em alguns círculos.

Os cabeças-de-lista: em Santo Antao: Jorge Pedro Maurício; São Vicente: Paulo Rocha (o atual ministro da Administração Interna), São Nicolau: Nelson Brito; Sal: Janine Lélis; Boa Vista: Elisabeth Évora; Maio: Joana Rosa; Fogo: Filipe Santos; Brava: Fernanda Burgo; Europa: Emanuel Barbosa; África: Orlando Dias; Américas: Fátima Write; Santiago Sul: Ulisses Correia e Silva e Austelino Correia em Santiago Norte. 

Rui Figueiredo Soares é o diretor de campanha. 


RTC Multimédia
Disponibilização online (Estagiária - com supervisão)