Cabo Verde Investment Forum volta em junho após suspensão devido a pandemia

31 de maio de 2022

A+ A-

Dois mil milhões de euros é a meta do Governo para estabelecer os contratos no “Cabo Verde Investment Forum” que acontece na ilha do Sal nos dias 16 e 17 de junho.

Sob o lema “Cabo Verde is open to the world”, o fórum de negócios tem como objetivo reforçar os investimentos do sector privado na economia cabo-verdiana, mediante intermediação e facilitação do acesso dos empresários e promotores nacionais aos mercados de capitais nacionais e internacionais. 

O fórum regressa após dois anos de adiamento devido à pandemia da Covid-19. O ato de lançamento do evento aconteceu na manhã de hoje (31) na Capital. O PCA da Cabo Verde Trand Invest, explicou que o evento servirá de intermediação e encontro entre os promotores de projectos, financiadores e investidores, e seguirá a orientação política do Governo de diversificação da economia com foco no sector privado.

Segundo José Almada Dias, durante o fórum serão assinados acordos e convenções de projetos estruturantes para o Arquipélago. Com estes projetos, o Governo de Cabo Verde quer atingir uma meta de dois mil milhões de euros. Uma meta alcançável, segundo o Ministro das Finanças e do Fomento Empresarial. Olavo Correia lembrou que uma forte parceria entre o estado e o setor privado é fundamental para alavancar a economia do país.

São esperados no Cabo Verde Investment Fórum cerca de 200 participantes nacionais e estrangeiros. Os sectores em destaque neste evento serão a economia digital, a economia azul, energias renováveis, transporte marítimo e aéreo, serviços financeiros, agro-negócios e o turismo.

 

RTC Online, com RCV

Artigos Relacionados